Dores nas Pernas: Principais causas e seus tratamentos


Dores nas Pernas Dor na pernaDores nas pernas podem ser agudas, obtusa, entorpecimento, formigueiro, ardor ou dolorido. Elas também podem ser agudas, o que significa súbita e de curto prazo, ou também ser crônica e persistente. A gravidade é avaliada em uma escala de 1 a 10, de leve a gravíssima.

Ferimentos sofridos durante um jogo de esportes ou em um acidente é normalmente aguda e traumática. A pessoa pode, muitas vezes identificar a causa. Outras causas, como a doença arterial periférica (PAD) tendem a acumular-se ao longo do tempo, embora a pessoa possa ser capaz de identificar o início da dor.

Algumas lesões esportivas se constroem ao longo do tempo, tais como o esforço repetitivo e fraturas de estresse, entre outras situação como os traumas que são bastante visíveis neste processo e podem trazer e oferecer um grande mal no desenvolvimento corpo, acabando com certas movimentação que temos diariamente.

As traumáticas tornar-se a longo prazo crônicas, com graves complicação de saúde se o indivíduo não ter pressa na procura se tratar, encontrando e achando diversas situação que incomodam a nossa vida particularmente e prejudiquem em diversas áreas o corpo, afetando diretamente na movimentação, ficando recluso de certos movimentos.

É importante estar ciente do que está acontecendo antes e em todo o tempo que surgiram, como ajudar a decidir quando procurar um médico, por este motivo é que criamos o artigo, para poder passar uma maior quantidade de informação a você que deseja melhorar o funcionamento corpo e evitar as dores nas pernas ou complicação futuras.

Causas das dores nas pernas

A dor na perna pode ser motivada por diversas situações, e uma mais grave do que a outra, mas uma coisa muito importante que saibam é que as coisas simples acabam nos causando forte sofrimento, e existem diversos motivos que proporciona estas situação no nosso cotidiano, fazendo com que tenha dificuldades de mobilidade, sendo um quesito bem desagradável.

Portanto, fizemos uma pequena lista mais abaixo para falar de algumas situação que proporciona este ocorrimento e aflição nessa região do seu corpo, explicando os motivos e algo a ser feito com a intenção de minimizar essa situação.

Fraturas de estresse

Forte pressão, por exemplo, de uma queda, pode levar à fraturas entre certas situações mais sérias como a fratura exposta. Algumas fraturas são facilmente e imediatamente visíveis, com graves hematomas e deformação, que é uma complicação e pode levar grande tempo para se recuperar novamente, com auxilio de cirurgias se for o caso, colocando talas e depois fazendo a fisioterapia.

Estes normalmente recebem atendimento médico de urgência pois a gravidade é de alta escala e a dor é profunda. As fraturas por estresse são pequenas fraturas que resultam em tensões repetitivas sustentado durante a prática de esportes, e um grande exemplo é jogar bola, onde os jogadores correm o risco de ter a perna quebrada.


Poplíteo tendinite

Produz a dor na perna e no joelho durante a corrida em descida. É causada pela inflamação do tendão do poplíteo, o que é importante para a estabilidade da região, sendo que em casos mais sérios a pessoa não consegue nem mesmo caminhar por tamanha dificuldade encontrada.

Pode ser tratada com auxilio medico, além de anti-inflamatórios que tem bastante beneficio neste aspecto, permitindo o mais alto grau de desenvolvimento.


Tensão da coxa

Dores nas pernas podem também ser entorse, refere-se a um alongamento ou rasgar na perna pequenos músculos. Uma pressão é a lesão dos músculos ou tendões que pode ser o rompimento de alguma fibra muscular ou fissura, bem identificada nos jogadores de futebol que tem o desgaste muscular e ocorrer o rompimento.

Muitas vezes associado com a execução, cepa isquiotibiais pode levar à dor aguda na parte de trás de todos os músculos da coxa, geralmente devido a ruptura parcial, afetando diretamente na velocidade e movimentação.


A síndrome do compartimento

Quando a lesão na perna, que resulta em inchaço, níveis perigosos de pressão nos músculos leva a aguda ou crônica, síndrome de compartimento. Isto deve ser devido a fratura ou grave contusão.

O inchaço provoca todos os aumentos da pressão, suprimento de doenças pelo seu sangue para o tecido muscular é cortado, esgotando o oxigênio dos músculos, que é algo extremamente complicado e fornece alto incomodo.


A dor do nervo ciático

Ciática acontece quando as dores nas pernas acontecem com uma pressão colocada sobre um nervo, muitas vezes, na coluna vertebral, levando a incômodos que correr para baixo da perna do quadril ao pé, lembrando que este nervo tem grande função no nosso corpo, que traz a movimentação e mobilidade, levando em torno de 6 meses tratando os rompimentos mais graves musculares.

Acontece quando um nervo é comprimido em um espasmo muscular ou por doenças pelo seu sangue como hérnia de disco. Efeitos a longo prazo incluem a tensão em outras partes do corpo como a marcha muda para compensar, e deve procurar um medico para tratar devidamente a gravidade.

Tratamentos em casa

Muitos casos de dor na perna podem ser resolvido em casa, sem intervenção médica, e pode haver a melhora sem a utilização de medicamentos, facilitando a sua vida e não precisando sair de casa.

Analgésicos não vai melhorar cãibras na perna, porque eles começam de repente, mas o alongamento e massagem muscular ajuda, e manter a alimentação balanceada.

dores nas pernas tratamentos

Mantenha o dedo do pé e puxe-a para cima em direção ao corpo, enquanto a endireitar a perna. Fora também muitas outras coisas que vocês fazem para evitar. Assim como:

  • Sempre alongar e aquecer antes e após o exercício;
  • Evitar a desidratação por beber de 8 a 12 copos de água;
  • Regularmente alongar e massagear a perna;
  • Esportes tratamento de lesão.

Um retorno a atividade deve ser formado na intensidade, para desenvolver flexibilidade, força e resistência com segurança. Há excelente seleção online com milhares de comentários dos clientes se você deseja comprar pacotes de gelo ou curativos elásticos para tratar dores nas pernas.

Problemas circulatórios nos pés

Atenção médica é necessária para a claudicação e outros sintomas de doença vascular, devido ao risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral ou a saúde. Para reduzir os fatores de risco cardiovascular e saúde, as pessoas são aconselhadas a:

  • evitar ou parar de fumar;
  • fazer exercícios moderados, como recomendado por um médico;
  • gerenciar níveis de níveis de açúcar no sangue, colesterol e lipídios;
  • controlar a pressão arterial;
  • aderir aos antiplaquetários terapia para reduzir a formação de coágulos sanguíneos, se apropriado.

Dores na gravidez nos pés

As dores nas pernas na gravidez é um dor normal e muito comum nesse período da vida e saúde da mulher, principalmente nos primeiros meses de gravidez, acontece devido a um grande aumento na produção de estrogênio, que provoca dilatação de veias da pernas, aumentando o fluxo de sangue na região das pernas da mulher.

Ao decorrer da gravidez no período que o bebe começa a crescer dentro o útero, a mulher começa a ganhar peso levanto a compressão do nervo ciático levando a muita dor por conta da circulação e também das varizes.

Para aliviar o desconforto a mulher precisa fazer alguns exercícios básicos para a melhorá na circulação sanguínea, exercícios simples e rápidos porém eficaz.

Dores nas Pernas Gravidas

Um dos exercícios a mulher deve deitar de barriga para cima, dobrar os joelhos fazendo um alongamento de coluna descansando com as pernas elevada para o alto para melhorar a circulação, além de evitar as varizes.

Lembrando que a mulher não deve fazer esforço durante a gravidez, então é preciso que execute os exercícios com moderação e cuidado para não prejudicar o bebê.

Problemas articulares nos pés

Especialmente pessoas com idade mais avançada, a dor pode ser relacionado a ortopédicos como artrite ou artrose, e o problema é comum nessa fase da vida, fazendo com que tenha varias dificuldades e não consiga obter a melhora do quadro de saúde.

Nesse caso muitos outros sintomas devem estar presente como rigidez nos osso e dor na articulação nos primeiros minutos após você acordar pela manhã, deve procurar um especialista da saúde, como médicos ou professores de Educação ao aconselhar você.

Como aliviar

Aplicar a compressa quente sobre a articulação dolorida, durante uns 15 minutos mais ou menos. Além desse procedimento é recomendado procurar um ortopedista para verificar a situação, e muitas vezes é preciso fazer o uso de antibióticos ou fisioterapia para ter a melhora, até mesmo nas varizes.

Conclusão

Assim como puderam ver, as causas das dores nas pernas são muitas, e elas podem acabar sendo mais perigosas do que pensam, e dessa maneira passem a tomar muito mais cuidado, passem a se tratar mais para que possam evitar cada uma dessas complicação, e assim impedir que eles venham a se agravar ainda mais causando muita dor e trastorno a sua rotina do dia a dia.

dores nas pernas machucam

E caso alguma dúvida tenha ficado, deixem nos comentários as suas perguntas para que possamos as responder mais rápido o possível e esclarecer todas a sua dúvidas podendo até dar alguma dica a mais para fazer um tratamento caseiro e eficaz contra dor.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)

27 Comments

  1. julia
  2. heitor
  3. pablo
  4. caique
  5. maria clara
  6. Lucas
  7. tamara
  8. gabi
  9. sabrina
  10. clarice
  11. Fabiola
  12. Mariana
  13. josias
  14. Letícia
  15. Lúcio
  16. Luan
  17. Paula
  18. Luana
  19. Juliana Lima
  20. Otávio
  21. Gustavo Vinicios
  22. Maria Amanda
  23. Rogério Eduardo
  24. Cristian
  25. Regina Pinheiro
  26. Susana Martins
  27. Ana Caudia

Leave a Reply